Waldemar e Maria Grummt

Os relatos de Waldemar Grummt e sua esposa Maria Florecka Grummt, ambos nascidos em Curitiba no final dos anos 20, nos transportam à Curitiba ainda provinciana das ruas de paralelepípedo e dos redutos de imigrantes testemunhados pelo dirigível Hindenburg em sua passagem pela cidade em 1936.

No livro “Waldemar e Maria – Uma história de amor e admiração”, Waldemar, o narrador principal, bolsista da Fundação Alexander von Humboldt e um dos pioneiros na área da Odontologia no Brasil, nos guia pela sua história de vida, marcada desde a mais tenra idade por dificuldades superadas por meio de uma resolutividade impressionante aliada ao trabalho duro. Pensador inquieto e questionador incansável, o eterno namorado de Maria possui, do alto de seus 91 anos de idade, o raciocínio rápido e a despretensiosidade de um menino.

Comentários