José Alves Pereira

Conhecido por alguns como Pereira, por outros como Baiano, este José que nasceu Raimundo tem hoje sua história imortalizada por meio de um projeto voluntário do Artesão de Memórias. Nascido em 1927 na cidade do Crato, no Cariri cearense, José perdeu seus pais muito cedo, e enfrentou desde a mais tenra idade as mais cruéis dificuldades da vida. Trabalhando desde a infância no comércio, foi pedreiro, militar, até descobrir sua verdadeira vocação: vendas. Ele hoje é um verdadeiro patrimônio do campus de ciências agrárias da UFPR (Universidade Federal do Paraná), onde trabalha com seu carrinho (antes de sorvete, hoje de doces) desde o longínquo ano de 1967. Seu livro de memórias encontra-se disponível à venda em seu carrinho de doces, onde ele, elevado ao título de São Baiano das Agrárias – O Padroeiro dos Estudantes, distribui sorrisos e alegria a todos os que têm o privilégio de beber da sua fonte de sabedoria.

Comentários